Família Veadrigo

A Famiglia Veadrigo tem sua história contada a partir de Gioacchino Veadrigo, nascido em 1867 na cidade de Sospirolo, Província de Belluno no Vêneto. Italiano, Gioacchino foi criado em um orfanato e aos 17 anos, em 9 de dezembro de 1884, partiu de Gênova para o Brasil com os pais adotivos, Giácomo Troian e Giacomina Barp.

 

Com a coragem e o ideal de conquistar um novo mundo, chegaram ao Rio de Janeiro em 28 de janeiro de 1885. De lá seguiram para o Rio Grande do Sul, estabelecendo-se no lote colonial nº 32 do Travessão Alfredo Chaves, no antigo distrito de Caxias do Sul, Nova Trento (depois Flores da Cunha).

 

Em 1892, Gioacchino casou-se com Maria Caldart na Igreja São Pedro em Nova Trento. Dois anos após, venderam sua parte da propriedade a Pietro Gazzi e, juntamente com os pais, adquiriram o lote nº 22 no Travessão Martins, no mesmo distrito.

 

Com o nascimento do primeiro filho – João Veadrigo – em 1893, a família mudou-se para São João da Linha Cândido em Antônio Prado. Lá, a alegria renascia em cada um dos filhos anunciados: Secondo, Olga Assunta, Angélica, Hugo e Humberto, motivo maior para buscar no trabalho árduo a conquista diária da superação.

 

O tempo passou, as mãos e os corações calejados renderam frutos. João Veadrigo, primogênito do imigrante Gioacchino casou-se com Maria Franzói e passaram a residir no Travessão Rondelli em Nova Trento, no lote que daria origem a atual Vinícola Veadrigo.